Farsa tragicômica é desmontada em seis atos

by

Na última segunda-feira o Tribunal Popular do Judiciário publicou cá no blogue e-mail da Coordenação de Comunicação do Ministério Público do Maranhão que convocava para uma entrevista coletiva, que seria realizada na manhã seguinte.

Em sequência, publicou-se outro e-mail, do mesmo remetente, cancelando a entrevista coletiva.

O promotor de Justiça de Defesa da Ordem Tributária e Econômica José Osmar Alves, que concederia a entrevista coletiva, cancelou-a, alegando uma enfermidade.

Em seis atos o jornalista Itevaldo Jr. desmontou a farsa tragicômica: saudável, o promotor foi visto em uma festa de aniversário de uma colega, no local e horário da coletiva cancelada.

Anúncios

Etiquetas: , , , , , ,

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: